Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária
Faixa publicitária
Faixa publicitária

ELVAS: Assalto ao Poder para ver esta sexta-feira no Cine NOS

O Cine NOS apresenta a partir das 21.30 horas desta sexta-feira, dia 23 de Agosto, em Elvas, a película cinematográfica "Assalto ao Poder", de Ric Roman Waugh.

Este filme, conta a história de um dedicado agente dos serviços secretos, Mike Banning (Gerard Butler), que vê a sua vida mudar completamente da noite para o dia ao ser acusado de conspirar para o assassinato do presidente dos Estados Unidos. Quando percebe que todos estão atrás dele, Mike entra numa corrida contra o tempo para descobrir o que realmente aconteceu enquanto foge de outros agentes.
 
Os ingressos para esta película poderão ser adquiridos 60 minutos antes do início de cada sessão, nas bilheteiras do Cinema NOS, localizadas no Auditório São Mateus.
 
Veja aqui o trailer deste filme.

ELVAS: Direcção Administrativa da Associação dos Bombeiros considera "ilegal" a destituição daquele órgão pela Mesa da Assembleia Geral

A Direcção Administrativa da Associação dos Bombeiros Voluntários de Elvas decidiu na noite desta quinta-feira, dia 22 de Agosto, não acatar a deliberação de destituição daquele órgão executivo, pela Mesa da Assembleia Geral (ver notícia anterior).

"A Mesa da Assembleia Geral não é um órgão associativo munido de poderes para destituir a Direcção Administrativa e constituir uma Comissão Administrativa, não apenas porque inexistem fundamentos de facto para tal, como porque a lei e os estatutos da Associação dos Bombeiros Voluntários de Elvas o não permitem", refere a direcção em comunicado.

Ao tomar conhecimento, através da comunicação social, do comunicado elaborado pela Mesa da Assembleia Geral, a Direcção refere que o mesmo "revela uma enorme ilegalidade tomada apenas pelos membros que alegadamente constituíram a Mesa da Assembleia Geral na veiculada reunião de 20 de Agosto de 2019, ao arrepio do disposto nas disposições conjugadas dos artigos 35° n° 1 dos estatutos (O poder deliberativo reside na Assembleia Geral e não na Mesa da Assembleia Geral); 37°, alínea b) (Apenas a Assembleia Geral e não a Mesa da Assembleia Geral possui poderes para 'Eleger e destituir, por votação secreta, os membros da Direcção Administrativa')".
Posto isto, a Direcção Administrativa considerou "ilegal, nula e de nenhum efeito a invocada 'deliberação da Mesa da Assembleia Geral', mantendo-se todos os elementos constitutivos da Direcção Administrativa em exercício de funções de mera gestão, por via do diferendo protagonizado pela Mesa da Assembleia Geral, que impede a fidúcia e a bondade do exercício do associativismo da instituição para com aqueles membros que constituem aquela Mesa, não reconhecendo o menor direito à alegada Comissão Administrativa e, ao invés, ordenando que o alegado presidente da Comissão Administrativa remeta aos órgãos da comunicação social da cidade de Elvas uma missiva retratando-se da ilegalidade cometida e reconhecendo à Direcção Administrativa plena capacidade para o exercício do seu mandato, até à convocação de futuras eleições nos termos estatutários, para o que se concede o prazo de 10 dias".

"Findo o prazo referido no ponto antecedente, os membros da Direcção Administrativa em exercício demitir-se-ão e gerarão, por essa via, a convocação de eleições em sede de futura Assembleia Geral Extraordinária, responsabilizando os membros da Mesa da Assembleia Geral que reuniram em 20 de Agosto de 2019 pelos danos e prejuízos que geraram em virtude das suas ilegais condutas, quer para com os membros da Direcção Administrativa, quer, sobretudo, para com a Associação dos Bombeiros Voluntários de Elvas, que, em virtude do probo e rigoroso exercício do cargo executivo, possui uma condição financeira e patrimonial sobremaneira saudável".

A Direcção Administrativa deliberou ainda "exigir ao presidente da Mesa da Assembleia Geral a realização de uma auditoria às contas da associação, para prova da boa e saudável gestão financeira e patrimonial realizada até à presente data, desresponsabilizando-se por todos e quaisquer danos e prejuízos que, em virtude da crise suscitada, advenham para a Associação dos Bombeiros Voluntários de Elvas, provocada pela Mesa da Assembleia Geral".

José Cid agraciado com Grammy Latino por "excelência musical"

José Cid vai receber um Grammy Latino por "excelência musical". Este prémio é "concedido a artistas que fizeram contribuições de significado artístico excepcional para a música latina", lê-se na página da Academia.

O galardão vai ser entregue em Las Vegas, nos Estados Unidos da América, a 13 de Novembro.

"José Cid adaptou sem esforço a influência da música popular anglo ao estilo original do pop-rock português. Em 1956, o surgimento de sua banda cover Os Babies marcou um momento de “antes e depois” para o pop-rock em Portugal. O seu próximo grupo, o Quarteto 1111, criou as bases do rock português, com uma forte tonalidade psicodélica e lançamentos inovadores, como o enorme sucesso de 1967 "A Lenda De El-Rei D. Sebastião". Continuando como artista solo, em 1978 lançou 10000 Anos Depois Entre Vénus e Marte, considerado uma obra prima do rock progressivo. Ao atingir um novo estágio de maturidade musical nos anos 1980, Cid transformou seu songbook (cancioneiro) das raízes de Portugal no maravilhoso Fado de Sempre. Com dezenas de sucessos, ele continua a ser uma grande atracção em concertos em Portugal, lançando novas músicas e álbuns de shows ao vivo", acrescenta ainda a Academia.

Numa mensagem na rede social Facebook, José Cid já reagiu ao prémio, considerando que é o mais importante "de pouco mais de 50 anos de carreira como músico e poeta".

"Estou também feliz porque o pop rock português, sempre tão impossibilitado de atravessar fronteiras, é reconhecido a este nível. Parabéns a todos os meus colegas que escrevem e cantam em português", salienta, elogiando o reconhecimento que sempre recebeu do público português.

De recordar que José Cid vai actuar ainda este ano em Elvas, na altura do São Mateus, no Parque da Piedade.

Faixa publicitária

ELVAS.com.pt O Portal da Cidade
´